JLo garante que Angola quer estar entre os maiores produtores de café no mundo

O Presidente da República, João Lourenço, garantiu esta terça-feira, 3, em Accra, Gana, que Angola quer voltar a ocupar o seu lugar de topo na produção de café a nível mundial.

As declarações de João Lourenço foram feitas no final das conversações oficiais entre Angola e Gana, assegurando que o país pretende voltar aos níveis de produção semelhantes aos de 1973, quando Angola fez do império português o terceiro maior produtor do mundo.

O Presidente João Lourenço aproveitou a sua presença em Accra para manifestar o interesse de Angola em aproveitar a experiência do Gana, enquanto um dos maiores produtores de cacau do mundo.

“O Gana é um grande produtor de cacau e de café”, reconheceu o presidente angolano, recordando que “Angola já foi um grande produtor de café”, mas que “a guerra, que foi bastante prolongada, fez atrasar o campo”.

Segundo ainda o chefe de Estado angolano, a guerra que devastou o país fez com que não se conseguisse “manter o nível que tínhamos no passado de grande produtor de café. Coisa que estamos a tentar fazer agora: ser um dos produtores de topo de referência mundial, em termos de produção de café”.

Em relação ao cacau, o Presidente João Lourenço referiu que o país tem desenvolvido a produção na província de Cabinda, sendo que, para uma exploração mais eficiente, conta com o apoio dos técnicos do ‘país de Kwame Nkrumah’.

“Hoje temos um boa experiência-piloto de produção de cacau em Cabinda. Gostaríamos que os nossos técnicos trocassem experiência com os técnicos ganenses, que, nessa matéria, já deram provas de serem muito eficientes”, salientou.

Avatar

Isto é Notícia

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *