Zango e Estalagem tornaram-se nos novos epicentros de infecções por VIH/Sida

A famosa rua da Dira, no distrito urbano do Zango, e a zona da Estalagem, ambas em Viana, são hoje os epicentros de novas infecções por VIH-Sida, na província de Luanda.

A revelação é da Rede Angolana das Organizações de Serviços de Sida, Tuberculose e Malária (ANASO), que coloca as duas localidades na posição primeira em termos de maior percentagem de doenças causadas pela transmissão sexual.

O presidente da ANASO, António Coelho, citado pelo Jornal de Angola, fez esta revelação durante a abertura da campanha de informação e educação sobre o VIH/Sida, que teve início nesta segunda-feira, 15, no Triângulo dos Congoleses, em Luanda.

Como causas do aumento do VIH/Sida, a ANASO aponta os elevados índices de pobreza que se registam nessas localidades, bem como a falta de informação sobre as formas de transmissão da doença e as suas consequências — factores que fazem com que a prostituição aumente e surjam novos casos da doença.

A ANASO contabiliza, só em Luanda, um total de 160 mil infectados com VIH/Sida, sendo 30% desse número atribuído ao município de Viana, seguido pelo distrito urbano do Rangel, no município de Luanda.

*Com o Jornal de Angola

Avatar

Isto é Notícia

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *