PR autoriza despesa de 4,4 mil milhões kz para a construção e reabilitação dos mercados do Kikolo e S. Paulo

O Presidente da República, João Lourenço, autorizou recentemente despesas no valor de aproximadamente 4,4 mil milhões de kwanzas para as obras de construção e reabilitação dos mercados do Kikolo e São Paulo, em Luanda, sendo que o primeiro vai custar cerca de 2,1 mil milhões e o segundo 2,3 mil milhões de kwanzas.

Segundo o Despacho Presidencial n.º 199/21, de 22 de Novembro, são destinados cerca de 2.173.542.758,95 kz (dois mil milhões, cento e setenta e três milhões, quinhentos e quarenta e dois mil e setecentos e cinquenta e oito kwanzas e noventa e cinco cêntimos) à construção do mercado do Kikolo, sito no município de Cacuaco.

Já para as obras de reabilitação e ampliação do mercado de São Paulo, no distrito urbano do Sambizanga, o executivo disponibiliza 2.343.550.111,67 kz (dois mil milhões, trezentos e quarenta e três milhões, quinhentos e cinquenta mil e cento e onze kwanzas e seis cêntimos).

À governadora de Luanda, Ana Paula de Carvalho, caberá a responsabilidade de verificar a legalidade e validade de todos os actos praticados no âmbito do precedimento dos concursos das referidas empreitas, incluindo a assinatura dos mesmos. Ao passo que a titular da pasta das Finanças, Vera Daves, deve assegurar a disponibilidade dos recursos financeiros necessários à execução respectivos projectos.

Localizado na fronteira entre os municípios de Cacuaco e Cazenga, o “tão cobiçado” mercado do Kikolo é tido como um dos maiores mercados informais da cidade capital, chegando a arrecadar semanalmente mais de dois milhões de kwanzas.

O Kikolo representa uma forte fonte de receitas para centenas de famílias e até para as administrações municipais, levando os administradores dos dois municípios vizinhos (Cacuaco e Cazenga) a disputarem “forçosamente” a gestão do mercado, situação que só se resolveu com a intervenção da ex-governadora de Luanda Joana Lina, que “devolveu” o poder de gestão do mercado à administração municipal de Cacuaco.

Por sua vez, o mercado de São Paulo, localizado no distrito urbano do Sambizanga, município de Luanda, é um dos mais antigos mercados da capital, tendo sido considerado, desde a era colonial, como o centro comercial de Luanda, e destino para todo e qualquer comerciante que quisesse expandir o seu negócio na velha capital angolana.

Bernardo Pires

Bernardo Pires

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *