Palancas Negras conhecem adversários da fase de apuramento ao CAN da Côte d’Ivoire a 19 deste mês 

A selecção nacional de futebol sénior masculino, os Palancas Negras, conhecem, no próximo dia 19 de Abril, os adversários da fase de apuramento ao Campeonato Africano das Nações (CAN 2023), que irá disputar-se na Côte d’Ivoire, anunciou esta semana, através de uma nota de imprensa, a presidência do órgão que rege o ‘desporto-rei’ no continente.

O órgão reitor do futebol africano, tutelado pelo bilionário sul-africano, Patrice Motsepe, avança que, seis dias depois da realização do sorteio em masculinos, a 25 de Abril irá também sortear o africano em feminino, que irá decorrer no Reino de Marrocos.

Já para o CHAN, competição disputada por futebolistas que só militam no continente berço, a Confederação Africana de Futebol (CAF) lembra que as selecções participantes vão conhecer os adversários da fase de apuramento no dia 28, também do presente mês de Abril.

No CAN 2021, disputado em Janeiro deste ano nos Camarões, os Palancas Negras, comandados tecnicamente pelo português Pedro Gonçalves, não conseguiram garantir o apuramento, tendo somado, em seis jogos disputados, quatro pontos, fruto de uma vitória e um empate.

Recorde-se que para o CAN 2023, Angola está no Pote 3, ao lado das selecções da Namíbia, Guiné-Bissau, Níger, Líbia, Moçambique, Malawi, Togo, Zimbabwe, Gâmbia e Comores.

FAF prepara condições para a selecção nacional 

Para garantir a presença de Angola na Côte d’Ivoire, o vice-presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF), José Carlos Miguel, disse, à Rádio Cinco, que o órgão que superintende o futebol no país está a criar as condições para a boa campanha dos Palancas Negras.

“Já estamos a trabalhar para aquilo que vão ser as qualificativas para o CAN e CHAN e, também, para a selecção de honra e para outras selecções”, garantiu o responsável à Rádio Cinco.

José Carlos deixou ainda um apelo aos patrocinadores, por este constituir um dos ‘calcanhares de Aquiles’. “Por força das promessas, muitas vezes não são concretizadas [as metas]. Temos que andar, às vezes, à última da hora, a procurar soluções alternativas e, mesmo que concretizadas, acabam sempre por beliscar o sucesso de qualquer operação”, reclamou o dirigente desportivo.

Os jogos de apuramento à fase final do CAN da Côte d’Ivoire arranca no próximo mês de Junho.

Avatar

Isto é Notícia

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.