Isto é Notícia

Lucapa Diamond Company anuncia ‘descoberta histórica’ em Angola do maior diamante dos últimos 300 anos

Partilhar conteúdo

A empresa mineira Lucapa Diamond Company, parceira da Endiama e da Rosas & Pétalas na Sociedade Mineira do Lulo, acredita ter descoberto em Angola o maior diamante dos últimos 300 anos, anunciou a mesma através de uma nota de imprensa.

Baptizado com o nome de ‘Rosa do Lulo’, a descoberta foi anunciada esta quarta-feira, 27, tratando-se de um diamante rosa puro, com 170 quilates, descoberto na mina do Lulo, na nordeste de Angola.

No comunicado conjunto, a Lucapa Diamond Company, a Endiama e a Rosas & Pétalas referem-se A um dos maiores diamantes cor-de-rosa alguma vez descoberto, que se junta aos dois maiores diamantes já descobertos em Angola na mesma mina.

Tida como “histórica”, a descoberta do diamante do tipo IIa, que agrupa pedras particularmente raras e puras, já mereceu a reacção do governo angolano, através do ministro dos Recursos Minerais angolano, Diamantino Azevedo:

“Este recorde e espectacular diamante cor-de-rosa de Lulo continua a mostrar que Angola é um actor importante no panorama mundial da extracção de diamantes”.

A nota da empresa mineira adianta que, embora a ‘Rosa do Lulo’ ainda precise de ser cortada e polida para atingir o seu valor total — passando por um processo em que uma pedra pode perder 50% do seu peso — diamantes cor-de-rosa semelhantes atingiram preços elevadíssimos no passado.

Em 2017, o ‘Pink Star’, um diamante de 59,6 quilates, leiloado em Hong Kong por 71,2 milhões de dólares norte-americanos, foi rotulado, até agora, como a pedra mais cara da história.

O diamante ‘Rosa do Lulo’ será vendida em leilões internacionais, devendo atingir um preço extremamente elevado.

Isto É Notícia

Related post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *