Irão. Conclusão de acordo sobre programa nuclear é “uma questão de dias”

A conclusão de um acordo sobre o programa nuclear iraniano, após vários meses de negociações em Viena, Áustria, é uma questão de dias, disse este sábado, 26, o chefe da diplomacia da União Europeia (EU), Josep Borrell.

“Estamos muito perto disso, mas ainda há algumas questões pendentes”, afirmou Josep Borrell aos jornalistas, à margem do Fórum de Doha, no Qatar, adiantando não poder dizer “quando, nem como, mas é uma questão de dias”.

O coordenador da UE nas negociações com o Irão, Enrique Mora, é esperado hoje à noite em Teerão, capital iraniana.

Enrique Mora deve reunir-se neste domingo com Ali Baghéri, o principal negociador do Irão, segundo a agência de notícias oficial do país, Irna.

O Irão está há vários meses em negociações na capital da Áustria, com a China, Rússia, França, Reino Unido e Alemanha, para relançar o acordo de 2015 que deveria impedir Teerão de obter a bomba atómica.

Em troca, a República Islâmica, que sempre negou querer ter armas atómicas, pretende o levantamento das sanções que asfixiam a sua economia. “Estamos a 95% [no acordo], mas os 5% restantes são críticos”, destacou Josep Borrell.

O Alto Representante da UE para a Política Externa salientou que se pretende “impedir que o programa nuclear avance” e acrescentou que ficaria “muito desapontado” se o acordo não fosse fechado.

No último ano, decorreram em Viena negociações para restaurar o acordo nuclear assinado em 2015 por Teerão e pelas potências mundiais (os cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU — Estados Unidos, Rússia, China, França e Reino Unido — e a Alemanha).

Em 2018, o então Presidente norte-americano, Donald Trump, retirou os Estados Unidos do acordo nuclear, e o atual inquilino da Casa Branca, Joe Biden, prometeu restaurá-lo.

Avatar

Isto é Notícia

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.