Angolanos entre as figuras negras mais influentes da lusofonia

A primeira edição da ‘100 Power List’ — lista das personalidades negras mais influentes na lusofonia — distinguiu mais de 20 figuras angolanas. A lista divulgada nesta segunda-feira, 13, destaca os angolanos Gilmário Vemba, Tiago Costa, Preto Show, Luaty Beirão, Sharam Diniz, Sílvio Nascimento, Maria Borges, Israel Campos, Sarchel Necésio e Vera Daves.

O projecto, de iniciativa da revista online BANTUMEN, em parceria com as plataformas Mundo Negro e Inventivos, do Brasil, Cabo Verde e Guiné Bissau, visa enaltecer personalidades através da arte, ofício ou associativismo, que promovem a excelência nas suas respectivas áreas de actuação, bem como impulsionam um sentido de representatividade e de pertença entre a comunidade negra lusófona.

Além dos nomes já referenciados, fazem ainda parte da lista Carla Prata, Cláudio Kiala, Grada Kilomba, Isabel Zuaa, Jessé Manuel, Kalaf Epalanga, Kiluanji Kia Henda, Mauro Sérgio, Morato Custódio, Pongo, Rogério de Carvalho, Toy Toy T-Rex, Zia Soares e outras figuras dos PALOP.

Elaborada em conjunto com a EGEAC (Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural, em Lisboa, este evento irá distinguir anualmente actores, romancistas, artistas, expositores, músicos, cineastas, fashionistas, humoristas, empreendedores, jornalistas, chefs, juízes, políticos, influenciadores, entre outros profissionais lusófonos de ascendência africana.

O evento tem como premissa a diversidade, representação e a inclusão como conceitos unos e essenciais para propiciar uma sociedade mais justa, alicerçada na igualdade e na equidade.

A BANTUMEN é uma revista electrónica em português, com conteúdos próprios, que procura reflectir a actualidade a cultura urbana da lusofonia, com enfoque nos PALOP e na sua diáspora.

Irinea Lukombo

Irinea Lukombo

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.