Voo da TAAG alugado já se encontra em solo cabo-verdiano

A TAAG – Linhas Aéreas de Angola, S.A colocou à disposição, em forma de aluguer, uma aeronave Boeing 737-700, de matrícula D2-TBF, ao serviço dos Transportes Aéreos de Cabo Verde (TACV), mediante um contrato rubricado recentemente entre ambas as companhias, no âmbito de uma parceria comercial.

Segundo uma nota da TAAG chegada a esta redacção nesta segunda-feira, 14, o voo tem a capacidade para o transporte de 120 passageiros, 12 em classe executiva e 108 em classe económica, e já se encontra em solo cabo-verdiano.

Numa primeira fase, a aeronave vai ser operada pela tripulação da TAAG, enquanto aguarda pela conclusão dos procedimentos protocolares locais (de Cabo Verde) e internacionais para a sua operacionalização sob tutela da TACV.

“Após a conclusão do registo da aeronave junto da Agência de Aviação Civil de Cabo Verde e inscrição no AOC dos TACV, em cumprimento da Regulamentação da Aviação Civil Internacional e dos dois países, a operação da aeronave estará sob o inteiro controlo dos TACV na modalidade de dry lease (sem tripulação)”, lê-se no documento.

A nota refere ainda que a “cedência da aeronave pela TAAG aos TACV é um marco importante nas relações entre as companhias de bandeira dos dois países, que contam fortalecer a sua cooperação e explorar outras oportunidades que se mostrem adequadas aos seus fins comerciais”.

Na mesma senda, foram igualmente assinados nesse mesmo dia, na cidade da Praia, capital de Cabo Verde, um acordo de cooperação empresarial que permite a cedência de técnicos formadores pela TAAG e um memorando de cooperação onde as duas companhias se comprometem a usar reciprocamente as certificações que possuem por forma a, numa base win-win (vantajosa ou satisfatória para todas as partes envolvidas), incrementarem a sua conectividade e a partir do Hubs do Sal e Luanda explorar destinos, bem como identificar outras sinergias para o desenvolvimento de novos negócios.

“Com o desenvolvimento destas relações comerciais, a TAAG e os TACV esperam contribuir para o seu crescimento, o desenvolvimento das economias dos seus países e o florescimento da inter-conectividade e integração regional”, sublinha o documento.

O acordo é consolidado numa altura em que o Presidente João Lourenço se encontra em Cabo Verde para uma visita diplomática, que visa reforçar as relações e a cooperação entre os dois países em vários domínios.

Avatar

Isto é Notícia

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.