Governo gastou mais de 238 milhões kz com o Show da Paz, mas despacho que autoriza a despesa chegou com três semanas de atraso

O executivo angolano gastou mais de 238,1 milhões de kwanzas (cerca de 567,4 mil USD) com a realização do espetáculo musical em alusão ao 20.º aniversário do “Dia da Paz e da Reconciliação Nacional”, celebrado a 4 de Abril, denominado “Show da Paz 2022”.

Apesar de ter ocorrido no dia 2 de Abril, o despacho presidencial que aprova a despesa e formaliza a abertura do procedimento de contratação simplificada, pelo critério matéria, para a celebração das festividades do ‘Dia Paz’, no valor de 238.103.820,00 kz (duzentos e trinta e oito milhões cento e três mil e oitenta e vinte kwanzas) só foi publicado a 19 deste mês.

Este é apenas mais um dos contratos por ajuste directo das dezenas já autorizadas pelo Presidente João Lourenço.

O espetáculo, que decorreu na Baía de Luanda, foi organizado pela produtora LS Republicano e contou com a actuação de 80 artistas nacionais, desde a mais antiga à nova geração.

Subiram ao palco nomes como Dom Caetano, Bessa Teixeira, Anna Joyce, Killa Hill, Pérola, Trinity, Kanda, o popular tik toker Ednardo Soares, Gerilson Insrael, Halison Paixão, Telma Lee, Bambila, Yola Araújo, Landrick, Pérola, Rui Orlando, Kiaku Kadaff, Virgílio Faya, Pai Diesel entre outros.

Avatar

Isto é Notícia

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.