Consultora FocusEconomics prevê crescimento da economia angolana abaixo de 4% até 2024

 Consultora FocusEconomics prevê crescimento da economia angolana abaixo de 4% até 2024

A consultora espanhola FocusEconomics antevê que a economia nacional cresça 3,2% este ano e acelere para até 3,6% em 2024, mas com uma previsão de expansão sempre abaixo da média dos países da África Subsaariana, cujas análises apontam para um crescimento em torno de 3,9%.

“O crescimento deve acelerar significativamente este ano, num contexto em que o abrandamento das restrições relacionadas com a pandemia potencia a subida da procura interna, ao passo que o sector externo beneficia dos preços elevados das matérias-primas”, escrevem os analistas da FocusEconomics, na análise mensal das economias da África Subsaariana, citada pela Lusa.

No relatório da consultora com sede em Barcelona, Espanha, os especialistas referem que os preços elevados do petróleo e a vontade de os países europeus diversificarem as fontes energéticas — afastando-se do gás russo — são positivos para Angola, que, com tal situação, poderá beneficiar também de boas condições externas, melhorando as suas contas públicas.

Ainda assim, de acordo com a consultora, o crescimento previsto de 3,2% para este ano, 3,4% para 2023 e 3,6% para 2024 da economia angolana, fica sempre abaixo da média prevista para os países da região, que deverão crescer 3,6% este ano, 3,7% em 2023 e 3,9% em 2024.

“O crescimento da África Subsaariana deverá ser perto do mais alto em uma década, com excepção do valor registado no ano passado”, escrevem os analistas, vincando, no entanto, que os riscos continuam.

Em relação à redução da taxa de inflação, os analistas estimam que o país passe de 23,3%, este ano, para 15,5% e 10,9%, nos próximos dois anos, descendo para um dígito em 2025, com 9,9%.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.