Isto é Notícia

ANPG lança plataforma de promoção de carreiras de mulheres que operam no ramo petrolífero

Partilhar conteúdo

A Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANPG) lançou, nesta quarta-feira, 23, a plataforma Muhatu Energy Angola (MEA), destinada à promoção de oportunidades de carreira e desenvolvimento de liderança de mulheres que operam no sector petrolífero angolano.

A iniciativa, segundo uma nota da concecionária nacional, tem como missão impulsionar, capacitar e dar visibilidade às profissionais para a sua ascensão a patamares de liderança no sector petrolífero, investindo no seu empoderamento.

O projecto tem como principais áreas de actuação a promoção da igualdade e equidade no ambiente de trabalho, a promoção de eventos para partilha de experiências, o desenvolvimento de um Centro de Excelência de Mulheres (CEM), bem como o engajamento e comunicação para uma cultura de maior inclusão no sector petrolífero.

De acordo com a ANPG, para o alcance do objectivo da concepção da referida plataforma, foi criada uma ‘comissão de gestão’, com rotação de mandatos, que vai assegurar a governação da iniciativa ‘Muhatu Energy Angola’.

A referida comissão é composta por membros do Ministério dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás (MIREMPET), da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANPG), da Associação das Companhias de Exploração e Produção de Angola (ACEPA), Associação de Empresas Autóctones para a Indústria Petrolífera de Angola (ASSEA) e da Associação das Empresas Contratadas da Indústria Petrolífera de Angola (AECIPA).

Da expressão em língua nacional kimbundu ‘muhatu’, que significa ‘mulher’, a MEA nasceu, em parte, da sequência de abordagens e sugestões que vêm sendo colhidas, tendo como ponto mais alto a realização do evento Muhatu Oil Experience pela ANPG, no passado mês de Março.

Aliado ao contexto global em que está inserido o maior produtor de petróleo de África (Angola), o evento, sublinha a concecionária nacional, serviu para enaltecer o papel da mulher, que vem conquistando cada vez mais o seu espaço, enquanto força-motora do desenvolvimento das comunidades e do próprio sector.

Isto É Notícia

Related post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *