SIC detém nove cidadãos envolvidos na morte de três anciãos no Huambo

Nove cidadãos, acusados de estarem envolvidos na morte de três anciãos, por alegados rituais que impediam a queda de chuvas, no Huambo, foram detidos e aguardam agora para serem encaminhados para o Ministério Público, avançou, no domingo,28, o sub-chefe de investigação criminal, Miguel Calembe.

O facto remonta ao mês de Outubro deste ano, quando os detidos entenderam julgar os mais-velhos como sendo os supostos responsáveis pela ausência das chuvas, espancando-os até à morte, sob pretexto de que as vítimas estariam por detrás tudo, sobretudo nas regiões do Ukuma e Galanga, no município do Londuimbali.

Os acusados haviam encontrado as vítimas a cultivarem as suas lavras. Após serem torturados, os idosos foram ainda socorridos e levados a um determinado   posto de saúde, no entanto, sem sucesso, porque acabaram por perder a vida no local.

O chefe de comunicação institucional e imprensa do SIC no Huambo, que falava para o Jornal de Angola, disse que o caso continua a ser investigado e que mais detalhes sobre o caso estão a ser investigados.

Os populares da cidade do Huambo contaram que casos do género, envolvendo acusações de feitiçaria, têm sido recorrentes, apesar de ser o primeiro que resultou em morte nas localidades do Ukuma e Galanga.

*Com o Jornal de Angola

Adelino Kamongua

Adelino Kamongua

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *