Doença não identificada provoca a morte de quatro crianças em pouco menos de três dias no Lubango

Uma enfermidade não identificada até ao momento provocou a morte de quatro crianças, em pouco menos de três dias, na comuna do Hoque, no município do Lubango, província da Huíla, anunciou a unidade hospitalar local, na quarta-feira, 1.

O responsável da comunidade, Fernando Cacolo, em declarações à imprensa, explicou que a doença está a durar apenas três dias e que as pessoas infectadas estão a perder muito sangue.

Segundo o responsável, que clama por socorro por parte do gabinete provincial da saúde naquele município, a enfermidade está a afectar, na sua maioria, crianças e os sintomas são fortes dor de cabeça, febre alta e constantes dores de barriga.

Fernando Cacolo acrescentou que, por falta de transportes na comunidade, os doentes estão a ser carregados de motorizada de três rodas, sujeitando-se a várias peripécias. “Quem resiste chega até ao centro médico, e quem não aguenta morre pelo caminho”, contou o responsável.

“No nosso bairro já morreram quatro crianças nesta semana. Não estamos a entender nada sobre o que está a acontecer”, lamentou Fernando Cacolo.

*Texto Cristina Cacoma

Avatar

Isto É Notícia

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.