CAF aprova realização provisória de jogos internacionais no 11 de Novembro 

Após ‘chumbo’ em Novembro de 2021, a Confederação Africana de Futebol (CAF) aprovou, esta semana, a realização de jogos internacionais no Estádio 11 de Novembro, em Luanda, duas semanas depois da passagem por Angola do inspector do órgão reitor pelo futebol continental.

O vice-presidente da Federação Angolana de Futebol (FAF), José Carlos Miguel, considera tratar-se de uma aprovação provisória, porque a CAF, na sua última avaliação, deixou algumas recomendações a serem cumpridas antes do dia 11 de Fevereiro, altura que arranca a disputa da fase de grupos da Liga dos Clubes Campeões de África.

José Carlos informou que em relação aos demais estádios nacionais vão continuar encerrados para jogos internacionais, até que sejam cumpridas todas as recomendações exigidas pela CAF. Trata-se dos estádios dos Coqueiros e 22 de Junho, em Luanda; o estádio do Sagrada Esperança, na Lunda-Norte, bem como o da Tundavala, na Huíla.

Em Novembro de 2021, a CAF, através de um relatório, reprovou os estádios nacionais, incluindo o 11 de Novembro, por não oferecerem as mínimas condições para a prática do futebol.

Com este parecer positivo da CAF, as equipas do Petro de Luanda e do Sagrada Esperança da Lunda-Norte, este último campeão nacional, vão poder jogar a fase de grupo em território nacional, deitando por terra a possibilidade de recurso aos estádios de países vizinhos, com destaque para a África do Sul.

Na primeira jornada da fase de grupos o Sagrada Esperança desloca-se a Marrocos, para defrontar o Wydad Athletic Club de Casablanca (Marrocos), enquanto o Petro de Luanda joga no Egipto com o Zamalek Sports Club, nos dias 11 e 12 de Fevereiro. O duelo entre os representantes angolanos acontece na terceira jornada, a disputar-se nos dias 25 e 26 de Fevereiro.

Avatar

Isto é Notícia

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.