Angola registou mais de 85 mortes por acidente de trabalho nos últimos quatro anos

Noventa e uma pessoas morreram em Angola, na sequência de 5946 acidentes de trabalho registados no período de 2018 a 2021. Os sectores de prestação de serviços, indústria e transporte lideraram as estatísticas.

Os dados foram avançados, esta semana, pelo inspector-geral adjunto do trabalho, Mário Tavira, em declarações à Rádio Nacional de Angola (RNA), quando falava por ocasião do Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho, celebrado a 28 de Abril.

Os sectores que mais registaram acidentes foram os sectores da prestação de serviços, construção civil, indústria, comércio e o sector do transporte, de acordo com Mário Tavira.

No sector da construção civil, o número de acidentes teve uma redução em face da situação de crise económica e da situação da pandemia da Covid-19.

O Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho é celebrado em alusão aos 78 mineiros que perderam a vida numa explosão, no Estado americano da Virgínia, a 28 de Abril de 1969.

A data foi instituída em 2003, pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), e este ano foi celebrada sob lema “Agir em Conjunto para Construir uma Cultura Positiva de Saúde e Segurança”.

Avatar

Isto é Notícia

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.